Blog

Quatro dicas para proteger sua empresa de fraudes

Tags: antifraude, cibersegurança, ataques cibernéticos, monitoração, vulnerabilidades

Nos setores financeiro e de varejo, o gerenciamento eficaz do risco de fraude empresarial é, em última análise, um processo de três etapas: medir, comunicar e agir. À primeira vista o processo pode parecer simples, mas não é. Ao executar cada passo ele pode ser um longo e complexo exercício de tentativa e erro. No entanto, tais etapas podem fazer toda diferença na hora de proteger seu negócio de fraudes que ameacem sua lucratividade e reputação.

 

1. Assuma uma postura proativa em relação à prevenção de fraudes.
Considere todo o problema e não apenas partes dele. Use esta informação para criar uma abordagem multicamada para resolver problemas.

 

2. Utilize um serviço de monitoramento que funcione fora do perímetro de sua organização.
Este serviço de monitoramento deve detectar e remover ameaças antes que os usuários finais percebam que existe um problema.

 

3. Compreenda que não existe uma única solução que possa interromper todo tipo de ataque.
Os cibercriminosos irão explorar vários canais, muitas vezes ao mesmo tempo, e freqüentemente compram ferramentas para ajudá-los a vencer as proteções antifraude. É necessária uma abordagem multicamada para derrotar ataques de fraude em constante evolução.

 

4. Seja realista
Ao criar um plano pró-ativo para prevenção de fraudes, é essencial criar um cronograma factível. A implantação adequada de prevenção de fraudes em toda a empresa leva tempo e não se resume à aquisição de tecnologia.

  • Quais são os maiores riscos com base em ameaças cibernéticas, clima econômico, ameaças anteriores, crescimento dos negócios e riscos geográficos? Certifique-se de que os riscos sejam avaliados com base em fatos, não em suposições, e que sua solução atenda aos desafios de fraude únicos da sua organização.
  • Se um incidente já ocorreu, quando e onde ocorreram as transações? Analisar essas atividades de transação ao longo de um período de tempo pode ajudar a identificar baixas e picos das vulnerabilidades.
  • Fora de todos os seus processos de negócios, quais são os maiores riscos de fraude?